top of page
  • Foto do escritorDaluco

Austin A90 Atlantic 1949

Atualizado: 16 de dez. de 2023




O Atlantic foi um dos primeiros carros do pós-guerra projetado do zero pela Austin, e foi dito ser estilizado a partir de um esboço em miniatura de Leonard Lord , então presidente da Austin e depois da British Motor Corporation (BMC) - embora na verdade por seu estilo tenha sido o trabalho do estilista argentino Ricardo "Dick" Burzi . O carro certamente foi influenciado pelo cabriolet Alfa Romeo de 1946, da Pininfarina que, por acaso, acabou na fábrica de Longbridge em meados de 1947, alguns meses antes do protótipo esportivo azul claro de 16 hp ter feito sua primeira aparição no departamento experimental e nas estradas próximas da fábrica.



Lançado no Salão do Automóvel de 1948 em Earls Court, o A90 Atlantic era um roadster conversível com motor de 4 cilindros de 2,7 litros. Com estilo extravagante e extenso cromado, o A90 contrastava dramaticamente com o sério Hampshire A70 de onde era derivado. Este foi o ponto! Enquanto o 'Hampshire' sintetizava os valores tradicionais e parecia perfeito para os mercados doméstico e colonial, o A90 era voltado totalmente para as exportações aos EUA. Dentro desta estratégia de marketing o carro foi inscrito em diversas provas de resistência (endurance) nos Estyados Unidos e acabou por vencer a prova do Indianapolis Motor Speedway em 1949.

O sucesso de Austin em Indianapolis aumentou o orgulho local e o aumento da produção fez de Longbridge um dos maiores empregadores da Europa. No entanto, os veículos de luxo pareciam incongruentes enquanto o racionamento do pós-guerra era mantido até 1954. O Austin A90 sofreu a concorrência direta do Jaguar XK 120, lançado no mesmo ano e com motor mais potente. Apesar de todo esforço o carro vendeu cerca de 8000 no total, a metade foi exportada e menos de 350 foram parar nas terras do Tio Sam.

A miniatura



Mais um produto da linha Premium X da IXO bastante fiel ao original e com muito boa qualidade nos delicados detalhes, particularmente nesse modelo, por ser um conversível, é possível apreciar melhor os detalhes internos do painel, direção e espelho retrovisor interno, belíssimos. O cuidado com os detalhes se destacam com a reprodução das plaquetas comemorativas ao feito de Indianapolis colocados no capô. A parte de baixo é pobre em detalhes mas competente no posicionamento do cano de descape. Para ficar perfeito poderia ter a capota com acabamento fosco pois com tanto brilho ela fica parecendo de metal e na verdade era de lona. Miniatura competentíssima com preço aceitável, 20 dolares mais 13 de frete, me comprova duas coisas; que é possível fazer boas miniaturas por preços razoáveis e que sempre devemos procurar por ofertas.



Até mais!

95 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page