top of page

Pontiac Safari 1955


Pontiac Safari 1955 Road Champs



Essa miniatura faz parte de uma série de carros americanos com portas que abrem que a Road Champs lançou nos anos 90. É o tipo de miniatura barata e que tem um pouco de brinquedo, mas nada que algum detalhamento extra não possa melhorar.


O modelo original

É uma miniatura que me chama a atenção pois é uma perua muito bonita e o único outro modelo dela que conheço é o da Motor City, muito melhor é claro, porém raro e – supondo que se encontre um – seu preço daria pra comprar umas 20 ou 30 dessas da Road Champs e ainda sobraria dinheiro para um café...

Por isso que resolvi dar uma trabalhada nessa pequena criatura estranha e penso que o resultado final valeu a pena.

Logo à primeira vista 3 detalhes me incomodavam nela:

1) o modelo está na escala correta, porém o teto está ligeiramente mais alto do que deveria ser, sendo que o para-brisas está muito alto e muito arredondado na parte superior;

2) simplesmente não existe um vidro traseiro. Isso foi feito para facilitar a abertura da tampa do porta malas (mas ficou ridículo);

3) a grade frontal toda cromada, sem a pintura de vários detalhes.


O resultado final

O que fiz foi desmontar todo o modelo e a primeira coisa foi confeccionar um vidro traseiro. Para isso cortei plástico transparente da caixa de um CD na medida exata e colei no buraco. Coloquei um acabamento de fita cromada na parte de baixo do vidro. A porta traseira continua abrindo e o visual melhorou muito (mas muito mesmo) na traseira. Aproveitei e coloquei “vidros” também nos quebra ventos das portas (onde também só haviam os buracos).

A solução para o para-brisas muito alto acabou surpreendo a mim mesmo, pois mudou muito a aparência da miniatura, deixando-a com uma aparência mais baixa, como carro real. Resolvi colocar um para sol para esconder a curvatura errada do para-brisas. Fiz o para sol cortando o para-brisa de uma VW Kombi T2 da IXO e pintando-o. Foi o que encontrei nas minhas sucatas e funcionou perfeitamente.



O próximo passo foi pintar a grade conforme o carro real. Usei preto e verde e o resultado é visível na foto. Também pintei de prata os dois pequenos cromados que os Pontiac de 1955 tinham sobre os faróis, semelhantes à duas “sobrancelhas”. Isso estava representado em relevo na miniatura, mas não pintado.

Também deixei a frente do carro cerca de 1mm mais baixa (mexendo na posição do eixo dianteiro). Isso somado ao para sol mudou demais a aparência, antes excessivamente alta e estreita da miniatura.



Outro ponto é que o ornamento do capô do Pontiac imita um avião à jato com a ponta pintada de laranja, mas na miniatura existe apenas um enfeite em forma de V, como se houvesse apenas as “asas” do avião. O que fiz foi cortar um pedacinho de plástico cromado, de forma a colar sobre esse V e transformá-lo no “avião”.

Nas rodas eu dei um “banho” de tinta preta para representar as saliências vazadas e isso melhorou muito seu visual.



Pra finalizar a parte externa passei tinta em cima da maioria dos cromados do corpo do carro, pois a tinta de fábrica tinha uma tonalidade pouco brilhante.

Na parte interna o painel é pobremente representado, mas se parece com o modelo real. Apenas pintei os instrumentos e demais detalhes. Já o volante era algo tão tosco que seria um elogio chama-lo de horrível. Removi e coloquei um melhor e semelhante ao do veículo real. Também coloquei um espelho retrovisor interno.

Havia ainda um grande buraco embaixo do painel que deixava péssimo o visual ao se abrir as portas. Por causa das hastes que permitem a abertura das portas não tem como tampar totalmente esse buraco, mas conseguir fechar ao menos a parte central com plástico.


No interior ainda restou uma coisa estranha, mas que não quis mexer, visto que exigiria muito trabalho e uma repintura da parte interna: no compartimento de cargas o piso é muito alto e a única explicação que vejo para terem feito isso é que se pensou em colocar um mecanismo de fricção nessa miniatura, pois nada mais justifica o espaço vazio entre o eixo traseiro e o piso.

Com a porta traseira fechada isso não é muito perceptível, então deixei assim.

Ainda cortei os dois pinos que existem embaixo do carro para parafusa-lo na embalagem, pois ficavam visíveis ao se olhar a miniatura de lado.

Para não dizerem que somente critiquei o humilde Pontiac da Road Champs, devo dizer que gostei da pintura, pois é bem complexa num carro com tantos detalhes e reproduz todos os cromados e inscrições. Estava tudo no lugar certo e sem erros.

Bom, foram algumas horas de trabalho nessa miniatura, mas creio que agora ela está em condições de conviver na estante com outras de marcas melhores sem passar tanta vergonha...


46 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Ford F-4000

1 Comment


Sant Ocara
Sant Ocara
Dec 22, 2023

Lindo o Ford F 4000

Like
bottom of page